ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

A BARRA AMEAÇADA PELOS GRANDES EDIFICIOS

Acaba de ser denunciada pela imprensa mais uma jogada de mestre. Desta feita no Porto da Barra, aonde Thomé de Souza chegou com suas caravelas para fundar a cidade de Salvador.

É sabido que, nesse tempo, o local já era habitado pelos portugueses que aqui chegaram e construíram uma pequena aldeia, poderíamos assim chamar, sob a direção de Francisco Pereira Coutinho, desembarcado em 1536.. Era conhecida como Vila do Pereira.

Até hoje a Barra, principalmente o Largo da Barra e pedaço da av. 7 de setembro, conhecido como Porto da Barra, vem mantendo a regra urbana, muito importante numa cidade como Salvador.

Forte Santo Antônio


Forte Santa Maria



:
O conjunto maravilhoso do forte e da Igreja de Santo Antônio no alto


Igreja Santo Antônio da Barra


Pois bem! É neste espaço de igrejas e fortes que querem consruir um hotel de 33 andares.O espaço já está devidamente reservado com tapumes, nome do arqjuiteto, prontinho para começar a obra.. O MSN já publicou na inernet uma materia com foto do dinossauro:


Sinalizado à esquerda com uma oval.

Acontece que em meio a isto, surge a informação que o sr Gedel |Vieira Lima, hoje ministro, foi apontado como sendo proprietário de um dos apartamentos. O deputado nega esta aquisição e todo o Brasil aguarda os acontecimentos. Por enquanto ficamos aguardando os acontecimentos.

O caso acima tem uma certa semelhança com o edificio construido atrás da Igreja da Vitória,. Essa igreja também é tombada pela União e toda a aréa ao sedor (300 m2) é igualmente tombada. No local existia a Mansão Wilberger que foi colocada abaixo sem dó nem piedade,,apesar de ser uma reliquia. 

Edificio Wildberger


O conjunto da obra

´Mansão Wildbeger


Destruida sem dó nem piedade

Repete-se, portanto, em termos bem parecidos com o que houve no |Largo da Vitória quendo se construiu um predio gigantescom nas proximidades da Ifreja da Vitoria qie é tombada peloa \União;

Nenhum comentário:

Postar um comentário