ATÉ HOJE JÁ TIVEMOS MAIS DE 400 MIL CONTATOS

domingo, 22 de fevereiro de 2015

MISERIORDIA - UMA RUA EXTRAORDINÁIA



Não resta a menor dúvida que uma das atrações pelo menos turística de Salvador é o seu centro histórico, detalhe que muitas cidades pelo mundo gostariam de ter e não tem. Ai começam a levantar edifícios de quase cem andares; fazer grandes pontes; belíssimos hotéis, teatros maravilhosos e tantas outras coisas que as tornem diferenciadas. 

Enquanto isto uma pequena cidade construída a séculos passados tem uma atração muito maior que as megas cidades de hoje e sabem porquê: não se construirá outra igual; foi feita uma vez e nunca mais, resultado da inspiração divina  e única de uma pessoa.



Este é o caso de Salvador. Foi construída assim, muito embora de princípio tenha havido um planejamento, mas um planejamento estratégico visando á segurança da cidade. Só isto!

Em sendo assim, Salvador e outras cidades do seu estilo ou parecido, tinham que ser preservadas para o resto da vida, mas, infelizmente, não é o que acontece. Primeiro as intempéries inevitáveis e, infelizmente, a ignorância dos homens e das organizações.

Vamos focalizar um caso entre dezenas de outros que a nossa cidade sofreu. Fixemo-nos na Rua da Misericórdia bem no centro de Salvador. Uma via especial não pela sua extensão ou qualquer outra grandiosidade, mas tão somente pelos prédios que a compõem. Pela harmonia. Torna-se bela e única.

Ela tem inicio na Praça Municipal, no alto da Ladeira do Corpo de Bombeiros, tendo à sua direita o prédio da Câmara Municipal de Salvador que já foi a  Prefeitura. Bem na esquina funcionava a Pastelaria Triunfo, o primeiro grande estabelecimento do ramo da cidade (era especialista em importados), ponto de encontro de pessoas da sociedade  da cidade, das pessoas mais ricas, essas diferenciações que se tem que fazer para compor um quadro social.

Antiga Biblioteca Pública e a Pastelaria Triunfo à direita



Em foto mais antiga
A beleza de um rua (Misericórdia)
Pastelaria Triunfo à noite


Num determinado ano a Pastelaria Triunfo pegou fogo. Destruiu todo o prédio. E agora? Terão condições e capacidade de reconstituí-lo? Dificilmente e efetivamente no local levantaram um prédio horrível respeitando apenas o gabarito do local. Instalaram no local uma agência bancária. Não deixou de ser um privilégio. Em plena Rua da Misericórdia, um “Bradesco antigo”. Um destino imprevisível!

 Bradesco da Misericórdia

Nenhum comentário:

Postar um comentário